Quais os benefícios da implementação do OpenShift Corporativo?

em Soluções.

A grande quantidade de inovações no ambiente de TI exige que os gestores estejam sempre atualizados. No entanto, mudanças ocorrem frequentemente, o que dificulta o processo de conhecimento e compreensão do que realmente é importante. É nessa onda que aparece o conceito de OpenShift corporativo.

A ideia dessa tecnologia é disponibilizar uma plataforma que contribui para a integração das equipes e o desenvolvimento sustentável de projetos. Oferecido no modo PaaS (Platform as a Service), esse é um sistema de código aberto, no qual desenvolvedores podem gerar, executar e testar as aplicações com facilidade.

Você deve ter pensado que essa é uma opção interessante para o seu negócio. Vale a pena investir? Neste post, responderemos a essa pergunta explicando os benefícios da implementação dessa ferramenta e suas principais funcionalidades.

Então, que tal saber mais? Acompanhe!

O que é o OpenShift corporativo?

Essa plataforma de código aberto comporta aplicativos em containers, o que permite isolá-los ainda que estejam dentro de um mesmo gerenciador. Dessa forma, ainda que uma das aplicações sofra uma queda, os outros processos não são afetados.

Na prática, além do aumento de desempenho, o openshift também possibilita desenvolver, testar e implementar aplicativos de forma simples e rápida em quase todas as infraestruturas, independentemente de serem públicas ou privadas. Por isso, vários são os benefícios derivados da adoção dessa tecnologia.

É importante citar que ela faz parte de uma iniciativa de DevOps e colabora para que a empresa comece a se preparar para a transformação digital. O fato de estar enquadrado como PaaS é outra vantagem, já que, assim, o desenvolvedor pode trabalhar com o objetivo de agregar valor ao usuário.

Quais são as funcionalidades desse sistema?

O OpenShift é uma plataforma que suporta várias linguagens de programação, entre elas: Jenkins, .NET, PHP, Node.js, Ruby, Python e Perl. Porém, ela é extensível e, por isso, possibilita que os desenvolvedores adotem outras alternativas, caso seja necessário.

Além disso, a tecnologia de container só é viável porque o OpenShift a favorece. Afinal, é por meio dessa ferramenta que você consegue exercer um controle maior dos recursos usados e ambientes criados. O resultado é a possibilidade de definir qual camada deve ser isolada para que seja trabalhada sem interferir nas outras aplicações.

Essas características asseguram que o container seja hoje a principal tendência em tecnologia de consumo na nuvem, o que coloca o OpenShift em evidência. Isso ocorre devido às diversas funcionalidades dessa ferramenta. Entre elas, as que as listamos a seguir.

Configuração rápida

O OpenShift corporativo é uma tecnologia que facilita o desenvolvimento e a implementação de aplicativos, mas também permite determinar parâmetros específicos de configuração. Com isso, você consegue aproveitar ao máximo os recursos disponibilizados.

Ainda é possível ter controle de todos os aspectos do conjunto de aplicativos para obter uma resposta rápida a eventos imprevisíveis. A consequência é a configuração do ambiente em poucos minutos, com imagens prontas para utilização e instalação.

Vale a pena destacar que isso também é garantido em configurações complexas, caso da ampliação do número de containers utilizados e do escalonamento automático, porque o painel de controle é intuitivo e fácil de ser manipulado. Por fim, o desenvolvedor pode escolher uma opção pré-configurada ou utilizar os containers, inclusive com imagens free.

Gestão inteligente

O gerenciamento proporcionado pela plataforma é verificado na prática. Uma pesquisa do IDC sobre o OpenShift da Red Hat, evidencia que as organizações que usaram esse recurso obtiveram benefícios na gestão dos aplicativos devido aos seguintes fatores:

  • facilidade no emprego de patches sem disrupções ou necessidade de atuar com as equipes de desenvolvimento de forma estreita;
  • automação de novas versões, que as consolida e reduz erros;
  • suporte a aplicativos em ambientes diferentes de TI, que garante os níveis de serviço e a administração de configurações;
  • qualidade dos aplicativos, que diminui o tempo de correções e suporte em até 49%.

Além disso, todos os ambientes podem ser administrados em um painel para garantir produtividade, e você tem controle total para gerenciar os containers de forma inteligente por meio das aplicações Kubernetes e Docker.

Metodologia DevOps

Esse é um dos principais recursos, porque permite que as equipes de criação e produção tenham um fluxo de trabalho alinhado e contínuo. As atividades manuais são deixadas de lado, e inexiste qualquer impacto no lançamento dos aplicativos.

Outros processos também podem ser otimizados pela padronização, eliminação de erros de configuração e implementação controlada de novos recursos.

Escalabilidade alta sem necessidade de deploy

Esse é outro diferencial, porque a falta do deploy deixa de impactar a escalabilidade do ambiente. Por isso, por mais que atualmente sua empresa utilize diferentes ambientes legados, com o OpenShift fica mais fácil atingir agilidade, qualidade no desenvolvimento de aplicações e escalabilidade.

Quais são os benefícios da implementação?

As principais vantagens de adotar essa tecnologia estão listadas abaixo. Confira!

Agilidade

A rapidez é um dos principais incentivos para as empresas. Com as ferramentas open source oferecidas, o profissional dessa área pode desenvolver aplicativos rapidamente, ao mesmo tempo que otimiza o uso da infraestrutura. Assim, os serviços são oferecidos com dinamismo e segurança — da concepção à implantação.

Outro fator que interfere positivamente na agilidade é a boa portabilidade garantida. Devido a esse recurso, inexistem incompatibilidades no processo de lançamento do aplicativo. Além disso, é necessário um número reduzido de reconfigurações.

Simplicidade

Os desenvolvedores têm à sua disposição uma plataforma fácil de usar e que garante a eles trabalhar em ambientes heterogêneos de TI, inclusive os virtualizados, em nuvem e conteinerizados. A flexibilidade oferecida também assegura uma plataforma comum para os ecossistemas de TI, medida que diminui ineficiências devido ao uso de métodos e ferramentas.

Estrutura dedicada e autônoma

Essa exclusividade para cada cliente oferece ambientes gerenciados e de locatário único na nuvem pública. Com isso, os clusters são capazes de oferecer recursos adicionais, de acordo com a necessidade da sua organização.

Projeto inovador

inovação é o fator-chave de sucesso para qualquer empresa que deseje ter sua competitividade garantida. Mediante essa plataforma como serviço, o projeto é implementado por meio da metodologia DevOps, que favorece a integração entre as equipes.

Além disso, a própria ferramenta é construída a partir de inovações open source, o que permite ao desenvolvedor utilizar esses recursos para oferecer um serviço mais moderno e que agregue valor ao cliente.

Como você pôde perceber, o OpenShift corporativo é uma boa alternativa para você conquistar produtividade, alinhar o serviço entre produção e desenvolvimento e garantir o máximo de satisfação ao cliente. E então, o que está esperando para utilizar essa tecnologia?

É só entrar em contato conosco! A Locaweb Corp é parceira da Red Hat e conta com o certificado Red Hat Certified Cloud and Service Provider Program. Um de nossos consultores explicará como a plataforma funciona e os benefícios que sua empresa pode obter.